Desafios da Sustentabilidade no Setor Gráfico:O Ecodesign e Sua Inserção no Planejamento Estratégico do Profissional de Design Gráfico no Brasil

Número: 
3528
Código do trabalho: 
T13_0605_3528
Resumo: 
Representamos uma população de vorazes consumidores em um ritmo acelerado e mundialmente assimétrico em nossa pegada ecológica. Neste contexto registramos grandes desafios aos profissionais da área de desenho industrial, projeto de produto e design gráfico, uma vez que o contexto requer a criação incessante de produtos. Destacamos neste artigo o olhar para o contexto do profissional designer gráfico no país, uma vez que o mesmo conduz a responsabilidade de divulgar uma mensagem, de transmitir a informação e de usar sua criatividade para atender ao design de produto com ênfase à comunicação, de diversos setores e de variados produtos. Como ser sustentável em uma área na qual a sobrevivência está atrelada a geração contínua de produtos e resíduos? No setor gráfico, em particular, estes produtos caracterizam-se por rápida, senão imediata, obsolescência, ou seja, tornam-se rapidamente resíduos, há descartabilidade do material impresso juntamente com a lacuna de informação e geração de massa crítica especializada em gestão ambiental no setor, de forma a apoderar-se do processo criativo fazendo uso das ferramentas de ecodesign. Estes fatos motivaram a pesquisa, que permeia a atividade e suas lacunas de formação de massa critica na área de ecodesign e gestão ambiental no Brasil, e aponta a necessidade do ecodesign inserido no planejamento estratégico do profissional de design gráfico.
Abstract: 
We represent a group of increased voracious consumers asymmetrically distributed in planet in our ecological footprint. In this framework industrial design, both product and graphic have some great challenges, once the work context requires them to an unstoppable product design. Our highlights are directed to the graphic designer and the responsibility it requires to transmit information, messages to different areas and product. How to be sustainable in an area which survival is related to the continuous generation of products and waste? In the graphic design in particularly, those products are disposable, fast obsolescence nature of the area, rapidly becomes waste. Besides that, in Brazil are not registered specialized professionals in this area that are aware of environmental management and ecodesign strategies. There is a lack of information associated with rapid disposal of printed material. Those facts motivated the research and the proposal of introduction of ecodesign into the strategic planning of graphic designers in Brazil.