CUSTO E LUCRATIVIDADE NA PRODUÇÃO DO GADO NELORE NO REGIME SEMI-INTENSIVO, NO MUNICÍPIO DE SALTO DO CÉU – MT

Número: 
XII CNEG & III INOVARSE 2016
Código do trabalho: 
T16_241
Resumo: 
O Mato Grosso se destaca como o estado que possui o maior número de bovinos destinados para o comércio no país, diante disso, esse artigo tem como objetivo analisar os custos e a lucratividade na produção do gado nelore para corte, no sistema de criação semi-intensivo entre os anos de 2012 a 2014, em uma fazenda no município de Salto do Ceú-MT, através de levantamento de informações ocorridos nos períodos. A metodologia utilizada baseou-se na coleta de dados por meio de pesquisa documental e de estudo de caso. As variações sofridas pelos custos e receitas no decorrer de 2012 a 2014, foram destacados em tabelas, avaliadas mediante os resultados, cujos levantamentos se deram através dos balanços anuais gerados pela contabilidade gerencial que a fazenda utiliza. Com isso, destacam-se quais gastos foram mais significativos nos custos totais, e os valores pagos pela arroba em cada ano, e ainda as receitas e lucros obtidos por este sistema de engorda, na realização da atividade econômica da fazenda. Este sistema se mostrou viável entre os períodos, apesar da oscilação no custo do sal e da aquisição dos bezerros (custo principal), contudo, o produtor ainda obteve lucratividade.
Congresso: 
XII Congresso Nacional de Excelência em Gestão & III INOVARSE 2016