ANÁLISE DOS FATORES MOTIVADORES DE MORTALIDADE DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS EM ITABORAÍ/RJ A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO COMPERJ (2006-2014)

Número: 
XII CNEG & III INOVARSE 2016
Código do trabalho: 
T16_069
Resumo: 
O estudo buscou analisar e ampliar a compreensão dos principais fatores motivadores da mortalidade de micro e pequenas empresas no Município de Itaboraí/RJ a partir das influências geradas sobre a economia local com o anúncio e posterior processo de implantação do COMPERJ – Complexo Petroquímico do Estado do Rio de Janeiro. A mortalidade de empresas está associada à falta (ausência) de uso de ferramentas de Planejamento Estratégico e considerando que planejar de modo estratégico se faz cada dia mais necessário para garantir competitividade, a análise das pressões provocadas pela instalação de empreendimentos de grande porte sobre as economias municipais pode possibilitar aos pequenos e médios empreendedores readequar suas estratégias de negócios e reposicionarem produtos e serviços. Tomando como base o Município de Itaboraí/RJ, o que se verificou apos realizada pesquisa de campo com empresários locais foi uma elevação das taxas de mortalidade em decorrência da crise provocada pela paralisação das obras. Os resultados indicaram que o COMPERJ desencadeou diversos processos que levaram à economia local a se desestruturar quando projeções equivocadas foram feitas e os empreendedores, sem conhecimento adequado, apostaram na incerteza e começaram a perder competitividade. O estudo é fruto de trabalho monográfico do curso de Administração da Faculdade Itaboraí, desenvolvido pelo aluno Rafael de Abreu Pereira, sob a orientação do Prof. Ds, Pando Angeloff Pandeff e apoio das Profas. Ms. Natalia Cristina Correa Castelo Branco e Ms. Sthefani Nogueira Saraiva, que já desenvolvem estudos correlatos no Município de Itaboraí/RJ.
Congresso: 
XII Congresso Nacional de Excelência em Gestão & III INOVARSE 2016