ANÁLISE DAS PRÁTICAS AMBIENTAIS P+ L EM CANTEIROS DE OBRAS: UM ESTUDO SOBRE O SETOR DA CONSTRUÇÃO CIVIL)

Código do trabalho: 
T_15_571
Resumo: 
Devido à urgência em combater os efeitos nocivos da degradação ambiental, torna-se necessária uma articulação dos arranjos produtivos da cadeia produtiva para implementação da gestão ambiental proativa nos processos de fabricação. Este artigo revisou os conceitos p+l e suas correspondentes práticas ambientais com a proposta de fomentar a prática ambiental nos canteiro de obra com a produção mais limpa especificamente para pequenas e médias empresas da construção civil. Esta pesquisa adotou como referencial teórico o instrumento de gestão ambiental p+l e as práticas empresariais ambientais para as pequenas e médias empresas (pme) da construção civil. São utilizados dados secundários de casos disponíveis no site do CNTL (SENAI) e do Guia de boas práticas em sustentabilidade na indústria da construção (CBIC) referentes ao setor da construção. As conclusões obtidas ao final são que as aplicações dessas práticas ambientais impactaram consideravelmente na redução de uso dos recursos, e na diminuição dos resíduos para o meio ambiente ocasionando um benefício para as pequenas empresas, apesar da incorporação do custo de implementação destas práticas ao sistema produtivo.