A ADERÊNCIA DO MODELO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO EM ORGANIZAÇÕES COM COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL SOCIOTÉCNICO

Código do trabalho: 
T_15_271
Resumo: 
O Modelo de Excelência em Gestão (MEG)® surgiu reunindo as melhores práticas de organizações, prescrevendo um modelo que conduz a excelência em gestão. Admitindo não só os interesses dos proprietários ou acionistas, mas de todos os stakeholders de uma organização, o MEG® se constitui um sistema de qualidade diversificado e holístico, ultrapassando a gestão da qualidade e se instalando como um sistema de gestão organizacional. Por outro lado, os crescentes estudos da cultura organizacional apontam para a importância significativa do tema que influencia diretamente na gestão das organizações. O presente artigo busca a relação entre o modelo de excelência em gestão, representado aqui pelo Prêmio Nacional da Qualidade (PNQ), e a cultura organizacional de empresas de publicidade localizadas na cidade de Juiz de Fora. Para identificar e qualificar a relação entre o PNQ e as culturas organizacionais citadas, o método de pesquisa proposto foi o de definir as características das culturas organizacionais e confrontá-las junto aos critérios de excelência do PNQ, bem como verificar o grau de importância e aplicabilidade desses critérios de excelência junto a empresas entrevistadas.