Um Estudo de Caso Envolvendo o Banco de Sementes em Área de Campo Cerrado: subsídio para a avaliação do potencial de regeneração dessa formação na Estação Ecológica de Itirapina (SP)

Código do trabalho: 
T11_0359_2007
Resumo: 
O Cerrado é o segundo maior bioma brasileiro e está incluído entre os chamados Hotspots, áreas prioritárias para a conservação em decorrência de sua alta biodiversidade e grande ameaça. Entretanto, ainda são poucas as pesquisas dentro das temáticas da regeneração natural e da restauração de áreas degradadas nesse bioma. Dessa forma, realizou-se um estudo de caso em área de Campo Cerrado na Estação Ecológica de Itirapina (SP) com o objetivo de investigar o potencial de regeneração da comunidade a partir do banco de sementes. Avaliações do banco foram realizadas tanto em áreas abertas da fisionomia de Campo Cerrado como também em microssítios sob a copa de indivíduos de Hancornia speciosa, com o objetivo de verificar se essa espécie atua como facilitadora potencial da regeneração natural. Dados microclimáticos (umidade relativa do ar, temperatura do ar e intensidade luminosa) também foram medidos nesses dois ambientes. Os resultados mostraram que a regeneração natural a partir do banco de sementes é restrita na comunidade estudada. Entretanto, observou-se uma influência positiva de H. speciosa sobre o banco que se desenvolve sob sua copa. Com base nos dados coletados ao longo do trabalho, iniciativas de restauração que podem ser adotadas na área de estudo no caso da ocorrência de alguma perturbação, e propostas mitigadoras dos efeitos da abundância das espécies invasoras sobre a comunidade estudada são discutidas.
Abstract: 
The Cerrado is the second largest biome in Brazil and is included among the so-called Hotspots, which are considered priority areas for conservation due to their high biodiversity and high threat. However, there are still few research within the fields of natural regeneration and restoration of degraded areas in this biome. Thus, a case study was conducted in the physiognomy of Campo Cerrado at the Itirapina Ecological Station (SP) in order to investigate the potential for community regeneration from the seed bank. The seed bank was evaluated in open areas of the Campo Cerrado physiognomy and also in microsites under the canopy of Hancornia speciosa, in order to investigate whether this species facilitates natural regeneration. Climatic data (relative humidity, air temperature and light intensity) were also measured in these environments. Results showed that natural regeneration from the seed bank is restricted in the studied community. However, there was a positive influence of H. speciosa on the seed bank that develops under its canopy. Based on data collected throughout the study, restoration initiatives that could be adopted in the study area in the case of any disturbance, and proposals aimed at mitigating the effects of the abundance of invasive species in the studied community are discussed.