A ANÁLISE ERGONÔMICA DO TRABALHO NUMA INDÚSTRIA DO SETOR OFFSHORE: UMA REFLEXÃO SOBRE A PRÁTICA E SEUS LIMITANTES

Código do trabalho: 
T14_0004
Resumo: 
Este artigo aborda a realização da Análise Ergonômica do Trabalho (AET) numa indústria de processo contínuo do setor offshore. Esta demanda, visou o atendimento às normas e legislações vigentes e foi solicitada para cada uma das cerca de 35 plataformas de petróleo offshore, localizadas na Bacia de Campos no Rio de Janeiro. O objetivo do artigo é apontar a que condições a análise ergonômica do trabalho, precisa se adequar para ser realizada nesta indústria altamente complexa, uma vez que são diversas as restrições em relação a tempo de embarque, de análise durante a ação ergonômica, de validação das análises durante a ação ergonômica, de validação das análises durante os embarques e de reflexões futuras. Com base nas AETs já realizadas no âmbito deste projeto, já é possível apontar algumas das condições a que a AET necessariamente deverá de adequar, a fim de garantir a sua própria realização.