IMPLANTAÇÃO DE UM SISTEMA DE GESTÃO DE ESTOQUE VOLTADO PARA TRATAMENTO DE ÁGUA INDUSTRIAL: ESTUDO DE CASO.

Código do trabalho: 
T12_0510_3037
Resumo: 
Em função das crescentes demandas por produtos químicos relativos ao tratamento de água industrial aplicados nas plantas de Processamento de gás natural em um terminal localizado na cidade de Macaé RJ, verificou-se a necessidade de implantação de uma sistemática de ressuprimento e previsão de demanda para itens considerados cráticos a continuidade operacional. Para melhoria da confiabilidade, bem como atendimento aos níveis adequados de estoque, tornou-se necessário identificar os pontos vulneráveis no planejamento existente, relacionado a aspectos administrativos e riscos de faltas. O presente trabalho teve por objetivo Dimensionar: o estoque mínimo, tempo de ressuprimento, lote de compra, ponto de pedido, consumo médio e modelo adequado de previsão da demanda para os sistemas de tratamento d'água do Terminal em estudo. Foi realizada uma análise preliminar da estrutura de requisíto dos insumos: Sulfato de Alumínio e Carbonato de Sódio, através de questionários abertos e entrevistas, junto à Coordenadoria de Utilidades e atividades de apoio do Terminal de Cabiónas. Com base nas informações obtidas e na literatura existente, pretendeu-se prover o setor de dados relevantes em termos de gestão de estoques dos insumos, a fim de que fosse possível dimensionar: o estoque mínimo, tempo de ressuprimento, lote de compra, ponto de pedido, consumo médio e modelo adequado de previsão da demanda. Os resultados obtidos ratificaram a necessidade de uma abordagem quantitativa para previsão de demanda, aplicando o método da média móvel dos consumos com características sazonais. Para dimensionamento dos parâmetros obteve-se os resultados para 4 pedidos de compra no ano: Sulfato de Alumínio: Estoque mínimo (Em_n): 485,93 Kg; Ponto de pedido (PP): 2676,43 Kg; Estoque médio(EM): 1581,18 Kg; Estoque m_ximo (Em_x): 9247,93 Kg; Consumo m_dio(Q): 730,16 Kg. Carbonato de S_dio: Estoque m_nimo (Em_n): 485,93 Kg; Ponto de pedido (PP): 1124,24 Kg; Estoque médio (EM): 726,74 Kg; Estoque máximo (Em_x): 3509,24 Kg; Consumo médio(Q): 730,16 Kg. As diferenças entre o consumo real e a solicitação de compras no ano anterior (estoque imobilizado) foram: Sulfato de Alumínio - 1238 Kg (R$ 2688,13). Para o Carbonato de Sódio Obteve-se os valores: 1420 Kg (R$ 1861,77).
Abstract: 
Due to the growing demand for chemicals for the industrial water treatment plants applied to the processing of natural gas at a terminal located in the city of Macae RJ, there was a need to implement a systematic replenishment and forecast demand for items considered critical operational continuity. To improve the reliability and service at the appropriate levels of inventory, it became necessary to identify the vulnerable points in the existing planning, and administrative aspects related to risk of shortages. This study aimed to Scale: The minimum inventory, replenishment time, lot purchase, order point, average consumption and appropriate model for forecasting the demand for water treatment systems of the terminal in the study. We performed a preliminary analysis of the structure of the input request: Aluminum Sulfate and Sodium Carbonate, through open-ended questionnaires and interviews, with the Utilities Coordination and support activities of the Cabi_nas Terminal. Based on the information obtained and the existing literature, we sought to provide the relevant data sector in terms of inventory management of supplies, so it was possible to scale: the minimum inventory, replenishment time, lot purchase, point of request, average consumption and appropriate model for forecasting demand. The results ratified the need for a quantitative approach to demand forecasting, applying the method of moving average seasonal consumption characteristics. For sizing of the parameters gave the results for 4 years in the purchase order: aluminum sulfate: stock minimum (Emin): 485.93 kg; application point (PP): 2676.43 kg; stock medium (EM): 1581.18 kg; Stock maximum (Emax): 9247.93 kg; Average consumption (Q): 730.16 kg Sodium Carbonate: Stocks minimum (Emin): 485.93 kg; Point of Order (PP): 1124 , 24 kg; Average stock (MS): 726.74 kg; Stock maximum (Emax): 3509.24 kg; Average consumption (Q): 730.16 kg The differences between actual consumption and purchases request for the previous year (inventory asset) were: Aluminum Sulfate - 1238 kg (U.S. $ 2,688.13). For sodium carbonate was obtained the following values: 1420 kg (U.S. $ 1,861.77).